Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

Rating: 2.4/5 (9 votos)

ONLINE
1

DOM ALBERTO: MEC Nº 247 de 22/03/2018 Publicada no D.O.U dia 22/03/2018.

FAVENI: Nº 2378, de 22 de agosto de 2002, Recredenciada pela Portaria nº 780, de 26 de junho de 2017 e credenciada pela portaria EAD: Portaria MEC Nº 1.010 de 20 de maio de 2019.

FACULDADE FUTURA: MEC Nº: 623 do dia 22 de julho de 2014. A mesma é devidamente recredenciada pelo MEC através da portaria n. º 868 de 12 de agosto de 2016.

ACB- ACADEMIA CIENTÍFICA DO BRASIL - CNPJ: 14.746.708/0001-09; Aprovado pela Instrução Normativa RFB nº 1.183, de 19 de agosto de 2011.

 

LIVRARIA JDSO CLIQUE AQUI

 

 

 


PARÁGRAFO

 

OLIVEIRA, João Domingos Soares de, Parágrafo, ACB7, publicado 25 de maio de 2020, disponível; < https://acb7.org/paragrafo>, pesquisado dia xx mês xxxx de 20xx

 

 

 

Antes de prosseguir o estudo sobre parágrafo, é importante fazer uma observação a cerca de sua composição. Que popularmente é aquilo chamado de frase. Ela é um fenômeno humano composto por uma mensagem. Mas, como há muitas mensagens por meio de gestos, desenhos e símbolos. Então, essa divisão textual que inicia com uma letra maiúscula e termina com um ponto final, não pode ser resumido em uma frase. Gramaticalmente, ela se chama “período”. Por favor, memorize esse nome. (VILARINHO, 2020)

 

CONSIDERAÇÕES INICIAIS

 

Para, Tina, Et al (1995, p. 65), Tratando-se da gramática, um parágrafo é a divisão de um capítulo textual, ou de um texto, ele é composto por uma de suas ideias internas completas. O mesmo inicia com o primeiro período recuado um pouco à direita. Assim como os edifícios não seguem o mesmo modelo, mas, não se podem descartar as mesmas regras básicas, que são: fundação, piso, paredes e cobertura - os parágrafos também não precisam ter o mesmo molde, mas, é imprescindível seguir, basicamente, as mesmas, regras, que são: introdução, desenvolvimento e conclusão. Ao iniciá-lo o leitor entenderá que iniciou nova ideia interna, fator que o ajudará a compreender melhor o referido texto.

 

  1. INTRODUÇÃO

 

Segundo, Sarmento e Tufano (2010, p. 465), a Introdução do parágrafo consiste em um, ou em dois períodos denominado, ideia central. Observação, na grande maioria das vezes, um só período estar de bom tamanho. Ele (s) é composto obviamente, pelo seu principal assunto. Isto quer dizer que cada parágrafo tem um título, mas para ganhar tempo, não se titula parágrafos. Porém, quem estiver escrevendo-o deve saber de que “ideia interna” se trata. Portanto, essa introdução, ou esse período, é realmente a apresentação desse título.

Exemplo: Se fizéssemos uma pequena redação sobre a gramática, a qual é composta por fonologia, morfologia e sintaxe. Então, o título do trabalho seria “Gramática”, assim, o primeiro parágrafo era sobre a fonologia, cujo título interno é obviamente “fonologia”. Mas, como se trata de uma pequena redação, não precisa inserir esse título. Só é que, esse primeiro período, apresentará a fonologia e descrevendo o seu detalhe principal. (VILARINHO, 2020)

Vejam:

            [...]

            A fonologia é a parte gramatical que estuda os fonemas.

            [...]

 

 

  1. DESENVOLVIMENTO

 

Conforme, Tina, Et al (1995, p. 65), Nesse caso, o desenvolvimento é o corpo do parágrafo. Ele incide em vários períodos, incumbidos da: explicação, comparação e consequências desse título. Ou, o que, porque, como e causas, sobre o mesmo. Lembrando de que, não estamos referindo ao título, ou ao tema, geral do trabalho, mas, à ideia interna, ao subtítulo relacionado somente ao parágrafo. Essa parte é compota pelo seu conteúdo.

Exemplo: Dando continuidade na pequena redação concernente à gramática, que é composta por fonologia, morfologia e sintaxe. Assim, o seu título era “Gramática”, com isso, o seu primeiro parágrafo era sobre a fonologia, cujo título interno é obviamente “fonologia”.  Mas, como se trata de uma pequena redação, não precisa inserir esse título. Só é que, os seus períodos internos a detalharão: explicando, comparando, ou mostrando as consequências desse título. Ou, explicando: o que, porque, como, ou causas, referentes ao mesmo. (WIKIPÉDIA, 2019)

Vejam:

            [...]

            A fonologia é a parte gramatical que estuda os fonemas. Ela é uma ciência responsável pelas análises e leis das primeiras divisões sonoras vocais. Onde cada fonema é representado por um grafia, chamado de letra. Mas, todavia, ele não se resume nelas. Porque somente uma grafia dessas pode ter vários fonemas.

            [...]

 

  1. CONCLUSÃO

 

Virtuous (2007) ensina que a conclusão do parágrafo consiste em um, dois, ou três períodos concluindo-o, ou fechando-o. Ele (s) é composto obviamente, pelas suas explicações finais. As quais concluem, ou completam a mensagem na mente do leitor.

Exemplo: Dando sequência na pequena redação relativa à gramática, cujo parágrafo é sobre a fonologia. (WIKIPÉDIA, 2019)

Vejam:

            [...]

            A fonologia é a parte gramatical que estuda os fonemas. Ela é uma ciência responsável pelas análises e leis das primeiras divisões sonoras vocais. Onde cada fonema é representado por uma grafia, chamado de letra. Mas, todavia, ele não se resume nelas. Porque somente uma grafia dessas pode ter vários fonemas. Contudo, o propósito dessa área da Gramática é fazer com que o aluno aprenda sobre: consoantes, vogais e sílabas.

            [...]

 

  1. COESÃO

 

Assim como as demais áreas textuais, o parágrafo também precisa ser coeso. Coesão é a arte de inserir os elementos gramáticos com coerência, ou em conformidade um com o outro. Assim como não combina a água e o fogo, o gato e o rato; igualmente são as palavras e os períodos fora do lugar. (WIKIPÉDIA, 2019)

 

Exemplo I:

 

A sala foi bem programada e arquitetada. Ela é quadrada e mede trinta e seis metros quadrados. Nela há: o jogo de sofá, a televisão e um carpete. Mas, o carro fica na garagem.

 

 

Como frisa a ideia central, o título do parágrafo é “sala”. Mas, o último período (Mas, o carro fica na garagem) é inserido somente para atrapalhar. Porque não tem nada haver “carro” e “garagem” com sala. Então, para corrigir o parágrafo é preciso eliminá-lo.

 

Exemplo II:

 

A festa estava excelente. Tinha: músicas, comida a vontade e diversas diversões. O pessoal divertiu muito, comeu a vontade e dialogou bastante. Segunda feira é dia de trabalho. (WIKIPÉDIA, 2019)

 

Como frisa a ideia central, o título do parágrafo é “festa”. Mas, o último período (Segunda feira é dia de trabalho) foi inserido para atrapalhar. Porque festa, não tem coerência com trabalho, nem tão pouco, com segunda feira. Então, para corrigir esse parágrafo é preciso eliminá-lo.

 

 

  1. MODERADO

 

A extensão do parágrafo deve ser moderada. Caso for muito pequeno, dependendo do título interno, fica a desejar. Mas, se for muito longo, além de complicar para o escritor (isso favorece o erro de coesão), e atrapalha a compreensão do leitor. Portanto, não faça parágrafo grande. (VILARINHO, 2020)

 

CONSIDERAÇÕES FINAIS

 

Caríssimo leitor, essas informações são somente, uma receita, um manual. A leitura somente, não irá ti ajudar. É imprescindível treinar. Só se aprende fazendo. Portanto, mão a obra, porque vai conseguir, acredito muito em você.

 

 

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

 

 

In: WIKIPÉDIA, PARÁGRAFO, a enciclopédia livre. Flórida: Wikimedia Foundation, 2019. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=Par%C3%A1grafo_(s%C3%ADmbolo)&oldid=56400478>. Acesso em: 25 de maio de 2020.

 

SARMENTO, Leila Lauar, TUFANO, Douglas, Português; Leitura, Gramatica, Produção de Texto, São Paulo: Moderna, 2010, p. 465.

 

Tina, et al, Português Hoje, A comunicação viva, ed. 2, Belo Horizonte: Lê S/A, 1995, p. 65.

 

VILARINHO, Sabrina. "Parágrafo"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/redacao/paragrafo.htm. Acesso em 25 de maio de 2020.

 

Virtuous Tecnologia da Informação, "Fonema" em Só Português, postado em 2007-atualisado em 2020, Disponível em: <https://www.soportugues.com.br/secoes/fono/fono1.php>, Consultado em 25/05/2020 às 08:19.